quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

sábado, 3 de fevereiro de 2018

Eleições Presidenciais no Brasil



Sobre texto que circular na internet defendendo o candidato Bolsonaro que tem coisas do tipo:
1° ele é cristão ;
2° militar;
3° honesto;
4° fala a verdade doa a quem doer; etc, etc, etc, etc

Vai abaixo a avaliação de cada item:


  1. Se este item é importante, é necessário respeitar a fé e a doutrina da igreja que se segue; o candidato é católico portanto, batizado em criança pelos pais de acordo com a doutrina católica. Por que então ir ao rio Jordão para se batizar em flagrante desrespeito a igreja que pertence. E, pior, flagrante desrespeito ao significado do batismo. (Marcos 3.22). “Em verdade vos digo que tudo será perdoado aos filhos dos homens: os pecados e as blasfêmias que proferirem. Mas aquele que blasfemar contra o Espírito Santo não tem perdão para sempre, visto que é réu de pecado eterno. Isto, porque diziam: Está possesso de um espírito imundo. E, se tiver tempo e paciência para ver os discursos do citado candidato ao longo do tempo, destilando ódio, preconceito e desrespeito;
  2. Já tivemos advogados, engenheiros, economistas, operário como presidentes; e muitos militares. A história do governo deles não acrescenta nem diminui a capacidade de governar por conta da profissão;
  3. Honestidade não é currículo é OBRIGAÇÃO de todo e qualquer cidadão; e 100% é muita confiança viu;
  4. Responder essa é difícil e fácil; muita gente tem confundido agressão com falar a verdade. Se você se identifica com as bravatas dele, nada se pode fazer; mesmo assim, analisando os discursos do candidato, de 2014 para cá, ele tem mudado seus temas para agradar o mercado. Ele mesmo disse isso. Procure!
  5. Ele diz que entende de segurança pública. Quem defende liberação de armas não entende nada de segurança; quer apenas ganhar votos com a raiva do povo, justificada, devido ao aumento da criminalidade, ou tem suas eleições pagas com dinheiro da indústria de armas. Armas nas mãos da autoridade policial, e pena dura para quem estiver armado mesmo que não cometa crime, isso sim. Basta andar neste trânsito para saber que o povo armado seria um desastre. Não funciona em lugar nenhum. E nem me site os EUA, em que se invade escola toda hora para matar. Nos países mais avançados cada vez isso é mais limitado
  6. Defender a família e os bons costumes? Mando o senhor para o item 1; e outras coisas de cunho moral que desabonam o candidato que são de ordem pessoal que não vou desenvolver aqui, mas amplamente de domínio público;
  7. Eu também sou! Mas tem que apresentar soluções para o problema. O cidadão comum basta ser contra, para quem quer ser presidente, tem que apresentar soluções; e a decisão sobre isso depende do Congresso então escolha um deputado federal e um senador que defenda esta ideia;
  8. Esse ai desabona; Existe uma direita civilizada, democrata até. Cito aqui um que merece o meu respeito – Marco Maciel. Agora, essa extrema direita, fascistóide que defende a ditadura fica para quem gosta de pancada;
  9. Li e vi os discursos do citado candidato. A única coisa que fala é ‘pena de morte” e liberar armas” sou contra os dois. Cadê os projetos? Não têm e você não leu em lugar algum;
  10. Certo, uma parcela da população também concorda. É necessário diferenciar um menor de idade que comete um assalto, um furto, do mesmo menor que comete um crime hediondo. Porém, novamente as pessoas que defendem tal ideia querem apenas livrar-se de um problema imediato e não apresentam soluções mais amplas para a questão da criminalidade, além da punição. Punamos os bandidos, esta certo! Agora, as nossas cadeias são centros de formação de bandidos. Os que concordam com isso citam sempre outros países, mas não citam que as cadeias destes países oferecem qualidade de vida que as pessoas a favor da diminuição da menoridade penal, da ampliação do uso de armas e da pena de morte são contra; e a decisão sobre isso depende do Congresso então escolha um deputado federal e um senador que defenda esta ideia;
  11. E quem é a favor do fim da PM? Eu mesmo sou a favor unificação das carreiras da polícia civil e militar como acontece nos países como melhor organização da segurança pública;
  12. Ninguém em sã consciência é a favor do aborto, muito menos um cristão; agora este candidato fala apenas “sou contra”! Soluções??? Não apresenta! Dados de  2016 falam em mais de 500 mil mulheres abortado nas zonas urbana e rural. É um fato. O candidato não apresenta uma política pública para o problema;
  13. Mentira; o que nos leva aos itens 1, 3 e 4; o candidato sempre foi estatizante e defensor do regime militar que amplificou a presença do Estado em setores que ele nem precisava. Tem apresentado um discurso conservador em termos morais e liberal em termos econômicos para atrair eleitores de classe média e do setor empresarial. Conselho: faça um sacrifício e escolha ao menos 3 discursos dele no Congresso nos anos de 2013 até hoje, para ver esta “evolução”;
  14. O Estado não interfere na minha família;
  15. Todo mundo é a favor de punições mais severas para estupradores; sou pai e marido, mas isso depende do Congresso não do presidente; então escolha um deputado federal e um senador que defenda esta ideia;
  16. Ai entramos no campo da total absoluta falta de conhecimento político. Movimentos sociais só podem ser proibidos em uma ditadura ou, caso seus lideres – apenas seus líderes – não os movimentos cometam crimes, punidos pela justiça. Presidente não tem poder sobre isso. Goste ou não do MST ele é legitimo, se sua ações não são, cabe a justiça coibir. Quanto aos sindicatos eles são os batalhadores por todos os seus e meus direitos ao longo da história, ou acredita que tudo que tem de positivo no país veio de favor de governantes? Quanto aos “sindicatos pelegos” eles existem porque o patrão compra o cara que deveria representar o trabalhador, mas eles só acabam nas mãos do próprio trabalhador;
  17. Este é piada pronta; tenho monitorado os discursos do candidato e ele – apesar de amenizado o discurso com ampliação de seus apoiadores – tem sido um disseminador de preconceito; monitorando as redes sociais os seus apoiadores – disse seus apoiadores não o candidato – disseminam ódio, preconceito, defesa da ditadura e demonização da democracia; e essa ideologia de gênero é uma panacéia. Sendo professor há 27 anos não estou vendo isso nas escolas públicas ou privadas a não ser em casos pontuais. Há extremistas dos dois lados;
  18. Migração é o deslocamento de indivíduos dentro de um espaço geográfico, de forma temporária ou permanente. Kkkkkk Essa extrema direita é contra a IMIGRAÇÃO. Coisa de gente limitada, que não entende nada de economia e nem conhece a história. Agora, já que estamos no Brasil, todo mundo pegando o navio para casa e deixando a terra para os índios; xenofobia no Brasil, piada pronta;
  19.  e 20 . Economia???? Qual????  Minérios! kkkkSinto muito! Ideias zero; ele fez referência a isso uma vez, falou que existia... não deu ideia alguma de como proceder;
  1. kkkkkkkkkkkk É decisão de juiz não de presidente; pode até apresentar projeto de lei sobre o tema; mas, de novo, decisão sobre isso depende do Congresso então escolha um deputado federal e um senador que defenda esta ideia;
  2. Veja a Lista de Furnas; delação da JBS; não falarei da multiplicação do patrimônio porque não li os documentos E NÃO DOU OPINIÃO SOBRE O QUE NÃO CONHEÇO;
  3. Sou a favor que todo os presos trabalhem como forma de contribuírem com as despesas de seu aprisionamento, para sustentarem suas famílias e como parte do processo de reintegração a sociedade. Falar “trabalho forçado” apenas esta na linha de pena de morte, armar civis etc. não resolve o problema da criminalidade;
  4. O que é “doutrinação nas escolas”??? Complemento o item 17 nesta. Que doutrinação? Se os professores tivessem o poder que dizem de conduzir os jovens o Brasil e o mundo seria outro. Estamos brigando para fazer os caras lerem livros, debaterem, pensarem. E outra, sou pai, tenho 3 filhos, se não gosto do que a escola esta fazendo cabe a mim, monitorar a escola. Oi, o cara não é contra a interferência do Estado na vida das famílias? Família, vá as escolas, leiam os livros de seus filhos, conheçam os professores, arrumem tempo para apoiar a escola e apoiar seus filhos;
  5. Quem quer implantar religião anti-cristã nas escolas; onde é isso????? Sou evangélico, meu filho vai a igreja comigo e minha esposa, participa das atividades, e na escola eles participam de tudo; se não concordamos eles não participam oras; Vamos para os itens 17 e 24 de novo;
  6. Voltamos para a questão da segurança pública; pregar pena de morte, armamento da população, trabalho forçado é fácil; agora, nos países que a extrema-direita usa como exemplo deste tipo de política os presídios são igualmente de primeiro mundo;
  7. Mesma questão do item 16; por outra existem ONGs, empresas, sindicatos, partidos, igrejas, pessoas que fazem o mal. O inverso é verdadeiro existem ONGs, empresas, sindicatos, partidos, igrejas, pessoas que são benéficas. O discurso da vagabundagem é simplista, fácil e de quem não quer se dar ao trabalho de conhecer.